quinta-feira, 23 de setembro de 2021

Hoje faço mais um ano...



 

Mais um ano passado, um ano diferente.Depois de muitos anos criando meus filhos e depois de muitos anos trabalhando, agora é tempo de pensar em mim. 

Viver por mim. 

Enquanto antes 24 horas por dia não chegavam; hoje tenho o tempo todo. E mesmo assim o tempo passa rápido demais e pouco se faz. 
Se calhar com a  idade faço tudo mais devagar. Deve ser isso.







 

 
 
Hoje cá estou a fazer mais uma primavera ou seja mais um aniversário outonal.

E neste dia queria vos agradecer muito pela vossa amizade, carinho que por aqui deixam sempre, mesmo se não estou tão presente como gostaria,

Beijinhos e abraços para todos vós.


terça-feira, 21 de setembro de 2021

Os versos que te fiz - Florbela Espanca

 



 
Deixa dizer-te os lindos versos raros
Que a minha boca tem para te dizer!
São talhados em mármore de Paros
Cinzelados por mim para te oferecer

Têm dolência de veludos caros,
São como sedas pálidas a arder...
Deixa dizer-te os lindos versos raros
Que foram feitos pra te endoidecer!

Mas,meu Amor,eu não tos digo ainda.
Que a boca da mulher é sempre linda
Se dentro guarda um verso que não diz

Amo-te tanto!E nunca te beijei...
E nesse beijo,Amor,que eu não dei
Guardo os versos mais lindos que te fiz!



segunda-feira, 23 de agosto de 2021

Lac de Servières



O lago de Servières é um lago francês de origem vulcânica localizado na chaîne des Monts Dore no Massif  Central, mais precisamente na região de Auvergne-Rhône-Alpes, no departemento  Puy-de-Dôme.



Um sítio calminho no meio da natureza a 1202m de altitude.

 Ideal no verão quando se procura alguma frescura para uma pequena caminhada de 45 minutos   

 Fica a uns 45 km de Clermont-Ferrand. 


Estas fotos são deste mês de agosto, do 18: e como se pode notar uma neblina pairava sobre o lago.

Achei-o feérico com esta atmosfera.



Um lago numa área de 15 ha e

                                                                de 26 m de profundidade máxima







Adquirido em 2020 à empresa Michelin, com a participação de fundos europeus, o Conselho Departamental de Puy-de-Dôme pretendia transformar este lago numa Área Natural Sensível (ENS). Lugar emblemático dos Puydômois, mas enfraquecido, o Departamento decidiu preservar seu equilíbrio ecológico, permitindo que todas as gerações, presentes e futuras, se reúnam respeitando seu ecossistema. Sua origem vulcânica, suas turfeiras e suas espécies de plantas protegidas tornam-no um lugar único e notável.



Desde o ano passado tomar banho nele é proibido, devido a isso,

tornou-se um sítio menos frequentado, mais calmo e agradável 












é por ali onde vou ao encontro da Natureza...........
 


terça-feira, 17 de agosto de 2021

"Se eu não voltar...




se eu 
         não voltar
                         amor
                                     não me procures
                                                                na linha do horizonte 
- que eu ando a navegar
                                    no fundo
                                                    dos
                                                          teus
                                                                 olhos..."

 

Mensagem
de Alfredo Reguengo

quarta-feira, 28 de julho de 2021

O TEU RISO - Pablo Neruda



 

Tira-me o pão, se quiseres,

tira-me o ar, mas

não me tires o teu riso.

(...)

ri, porque o teu riso será para as minhas mãos

como uma espada fresca.

(...)

mas quando abro

os olhos e os fecho,

quando os meus passos se forem,

quando os meus passos voltarem,

nega-me o pão, o ar,

a luz, a primavera,

mas o teu riso nunca

porque sem ele morreria.

domingo, 20 de junho de 2021

Sísifo - Miguel Torga



 

Recomeça...
Se puderes
Sem angústia
E sem pressa.
E os passos que deres,
Nesse caminho duro
Do futuro
Dá-os em liberdade.
Enquanto não alcances
Não descanses.
De nenhum fruto queiras só metade.

E, nunca saciado,
Vai colhendo ilusões sucessivas no pomar.
Sempre a sonhar e vendo
O logro da aventura.
És homem, não te esqueças!
Só é tua a loucura
Onde, com lucidez, te reconheças...


Miguel Torga, Diário XIII.

quinta-feira, 20 de maio de 2021

Num abraço estão todas as palavras do mundo



Um abracinho bem sentido, apertadinho
é onde dois corpos se encontram e os corações se tocam,
se sentem,
e todas as emoções e sentimentos
entram em ebulição
e não,
não é preciso nenhuma palavra...
porque depois os olhares
acabam de dizer o resto
e as bocas se saboreiam,
se amam...

Um abraço é bom, faz bem, cura....
dá-se um abraço em várias ocasiões,
e nesse abraço estão todas as palavras do mundo...

Lena

 

quarta-feira, 12 de maio de 2021

Sentada à beira mar



Numa caminhada à beira mar, 

sentei-me na areia, e pensei : 

quantas pessoas nos anos, séculos atrás se sentaram ali, 

olhando aquela imensidão, 

e pensaram como eu ?


sábado, 8 de maio de 2021

As pessoas nunca são o que parecem



As pessoas nunca são o que parecem.  Elas são como nós as vemos, são como gostaríamos que elas

 fossem. O são como elas nos querem mostrar o que são. Só que isso é simplesmente uma

 aparência. Porque eles não são assim. 

Mesmo nós somos diferentes conforme a pessoa à nossa frente. Quem nos conhece melhor, somos

 nós. Nosso mundo interior é imensidade como um oceano. Tentamos  esconder nossas fraquezas e

 defeitos e nossos segredos nas profundezas do nosso ser. Porque é por aí que podemos ser mais

 atingidos pelo mundo exterior.
 
Então sim, as pessoas nunca são o que parecem. Podemos conhecer alguém há vários anos sem saber

 quem é realmente essa pessoa. Depois como confiar em alguém ? O tudo na vida é ilusão !?


Nunca tinha pensado assim, sempre pensei que podia confiar nas pessoas que gosto, 

que as conhecia de verdade. Será que me enganei ?

 

terça-feira, 27 de abril de 2021

27 de abril, tudo continua no mesmo....



Os dias vão passando; todos iguais. O vírus por cá continua a espalhar-se. Depois de três semanas de confinamento e ainda com muitos casos diários e os hospitais cheios, este governo decidiu reabrir as escolas. A meio de maio deverá continuar o desconfinamento.  

Vamos contra um muro. Estamos à beira do abismo.  Quantas pessoas irão perder a vida  por causa deste presidente ? 

Este vírus encontra-se por toda a planeta,  porque não confinar todos os países durante um tempo até ele desaparecer ? 

 Será que este vírus foi introduzido a propósito para reduzir a população  a nível mundial ? 

Será que este vírus vai servir para nos retirar muitos direitos e alguma forma de liberdade e que dizer dos passaportes vacinais ? 

Não sei para onde vamos, mas só sei que vamos..


sábado, 24 de abril de 2021

25 de abril, sempre !



 

25 de abril,

uma data com grande impacto;

já tão longe e tão perto ao mesmo tempo.

Uma data que trouxe com ela grandes esperanças.

Um grande cravo que rebentou

e não chegou a florescer com toda sua beleza.

Um cravo que esta a murchar,

se não continuar a ser regado por este povo esquecido.

Um povo  que se esqueceu da coragem dos homens

que conseguiram fazer um 25 de abril.


Lena 

terça-feira, 20 de abril de 2021

Seguirei sempre em frente



 

Montanhas inacessíveis

abismos profundos

cataclismos

tempestade

trovoada

Nada me pára

pelo este mundo fora

seguirei sempre em frente

com meus sonhos e meus desejos

Não é uma pedra no caminho

que me fará tropeçar

Será sempre teu amor

que me dá esperança e força

p’ra continuar


Lena Franco