quarta-feira, 17 de junho de 2020

Palavras Mal_Ditas





Por vezes  nossas palavras vão mais longe que a nossa vontade.
 Dai evitar sempre de falar quando não estamos bem, quando algo nos irritou. 
Pensar antes de falar, diria o sabio.
 Eu sempre falo e depois penso no que disse, Depois tenho de assumir minhas decisões, as palavras mal ditas, palavras que fazem doer.
 Nessa altura é mesmo isso que procuro, palavras para fazerem doer, palavras cruas e duras.
 Isso é mal feito,sei.
Mas  nesse momento é minha arma para me defender do mal que senti, do mal que me foi feito. 
E claro no dia seguinte, fico arrependida. Reparar o mal que fiz, pedir desculpa.
Quando as palavras soltam com violência sou como uma tempestada que leva tudo o que encontra o sou como aquele vulcão adormecido que explode e a lava a ferver corre até ao mar estragando tudo no seu caminho. Sou mais ao menos assim. 

segunda-feira, 15 de junho de 2020

O amor só acontece uma vez...

O amor só acontece uma vez e quando acontece marca nossas vidas para sempre.
Quando vemos a pessoa amada o coração dispara, o corpo treme,
o frio na barriga acontece.
Pode se levar anos, mas quando vemos a pessoa amada o fogo da paixão se acendi,
quando nossos corpos se tocam parece que nunca saímos de perto
e assim o amor renasce, se acende, toma força, queima,
e quando você percebe já esta pensando na pessoa amada,
 já esta sonhando acordado,
 já esta como uma criança que acaba de ganhar um presente.
 O amor tem que ser vivido intensamente,
 ele só acontece uma vez, se você ama, se liberte...

Texto encontrado na net.




quarta-feira, 6 de maio de 2020

Es meu mar/amar



Eu não gosto muito de ti amor
gosto de ti, simplesmente
o muito não chega
o muito é pouco
porque tu es a imensidade 
es o infinito
es meu mar, amar
corres nas minhas veias
es vida,
alegria

Helena Franco

domingo, 26 de abril de 2020

Aide-soignante, personne vulnérable face à cette pandémie


Hoje meu post esta escrito em francês, foi nestas palavras que senti que deveria o escrever...se for preciso tentarei traduzi-lo.

Beijos e abraços para todos que por aqui passam...

Je me rappelle quand j'étais jeunette entendre ma mère me dire "helena la mer n'aime pas les personnes qui n'ont pas peur, elle emporte tout le monde que tu sois courageux, bon nageur, faut toujours rester humilde devant elle; c'est une force et contre elle tu es tout petit et tu ne peux rien"...Je devais avoir 10, 12 ans; malgré les grandes vagues je rentrais dans l'eau pour me baigner. Je n'avais même pas peur. Jusqu'au jour où on a dû aller me chercher, sinon j'y serais restée. J'avais 18 ans.

Face à cette pandémie ces mots me reviennent à la mémoire. Face à elle c'est un peu pareil, faut savoir rester humilde, prendre toutes les précautions nécessaires,éviter de prendre des risques. C'est notre vie qui est en jeu. Et on en a qu'une. En lisant un article, je me suis rendue compte que je faisais partie des personnes à risque. Que faire ? J'en ai parlé à mon employeur, qui m'a dit d'aller voir mon médecin. Celui-ci m'a arrêté de suite. La décision fut vite prise. Les jours suivants ont été horribles. J'avais envie d'enterrer ma tête dans le sable, de me cacher, d'être seule. J'avais déserté. Je me suis sentie comme un déserteur qui a fui pendant la bataille. J'ai abandonné mes collègues, les résidents de l'ehpad où je travaille comme aide-soignante. Mes enfants et mon mari étaient rassurés de cette décision, moi j'étais toujours dans le doute. J'aurais voulu continuer à travailler. Etre en arrêt maladie sans être malade c'est pas du tout mon truc. A chaque prolongation ce doute est toujours là. 

Je pense à mes collègues très, très fort, je sais que travailler avec la peur au ventre c'est très difficile. C'est une équipe très soudée, et ils vont y arriver, soutenu par notre direction...
J'espère que bientôt on pourra se revoir tous..

domingo, 23 de fevereiro de 2020

Viagem a Cuba


Que dizer de Cuba  ?
 Um pais que adorei visitar. Um pais muito pobre. Tudo no pais o quase tudo pertence o estado. Depois da revolução, nacionalizou tudo. Os medicos, advogados, empregados são pagos pelo estado e ganham entre 40 e 60 euros por mês. Para melhorar os fins de mês esses medicos, advogados, fazem horas extra em paladars privados (restaurantes) para as gorjetas dos turistas. A educação, a saude é gratuita. A escola é obrigatoria até os 16 anos; o estado paga os estudos universitarios, casa e comida os estudantes.
Em Cuba não existe eleições presidenciais, pq so ha um partido, e é o chef do partido que é presidente; não existe nenhuma oposição..
Logo que um cubano decide de emigrar, e fica mais de 22 mêses fora do pais, so pode voltar como turista..mas torna se quase impossivel emigrar por falta de dinheiro.
Os medicos cubanos que estão em Portugal, foram enviados pelo Cuba para um periodo de três anos e o salario deles é o estado cubano q o recebe…
Em Cuba ha falta de tudo, de medicamentos (paracetamol, antibioticos, anti-inflamatorios, etc.), por isso os medicos fazem muita prevenção...No supermercado ao lado do hotel onde estive so havia era bebida, café, pouca coisa de alimentar. Eu que bebo leite de soja, havia la uns três litros a mais de 7 euros cada um…
Cuba vive da agricultura, do café, rhum, cigarros, a cana de açucar  e muito do Turismo. 80 % da recolta é para o estado e o agricultor fica so com 20%..O trabalho na terra é muito duro e dificil, não vi la tractores...as terras são cavadas com bois como se fazia antigamente.
Os transportes publicos são (quase) inexistantes e torna-se um problema para as pessoas..Quando na quinta feira ia para o aeroporto vi dezenas de pessoas por varios sitios a espera de algum transporte. Nesses sitios onde esperam esta la um guarda que manda parar todo veiculo do estado que possa levar algumas pessoas...e é esse guarda que diz quais são as pessoas prioritarias.
Em Cuba existe duas moedas o pessos cubano para o povo e o CUC para o turista. Um CUC vale mais ao menos 1 euro. Um cubano que ganha 40 euros por mês não pode frequentar os café's e paladars. Uma bebida custa uns 3 CUC. As familias recebem todos os mês uma caderneta, onde esta o que  eles podem comprar a preço barato..pois tudo é racionalizado..por exemplo tem direito a 2 litros de oleo, se precisarem de mais 1 l vai custar 2 CUC. Uma familia com alguma criança de menos de 15 anos tem direito a carne de vaca..
Nas ruas não se vê pedintes, pode ser proibido, não perguntei. 
Vi pessoas sentadas, caladas, não se juntam, fez-me pensar a um Portugal antes do 25 de abril. 
Gostei daquele povo e ao mesmo tempo tive pena dele, merecia melhor. Cuba é uma ilha paradisiaca, tem boas praias, bom clima. O lado disso tem a capitala em ruinas. Pessoas a viver no meio delas, dentro daquelas paredes a cair, sem tecto.

Escrito em março 2019

domingo, 20 de outubro de 2019

Cheiros..


gosto de cheiros a terra molhada depois da chuva
gosto de cheiro a café e do bolo a cozer no forno
gosto do cheiro a perfume delicado e subtil
gosto de cheiro a maresia, do mar
gosto do cheiro da primavera , com a natureza a florescer
gosto de cheiros a outono, castanhas assadas, doce de fruta
gosto de cheiro a pão torrado com manteiga
de chocolate quente num dia de frio  
gosto do teu cheiro depois do amor


Não gosto do cheiro do hospital, alcool e outros desinfectantes
Não gosto de cheiros que nos arrefece, cheiro da morte
Não gosto  de cheiros sem sabor...

Helena

quinta-feira, 25 de abril de 2019

A ultima viagem do meu pai..


Naquele terça feira dia 26 de março, tinha chegado ao trabalho há cinco minutos,oiço meu telm tocar no meu bolso. Uma enfermeira do hospital de Leiria me pergunta se estou sozinha o acompanhada, tem uma má noticia a dar-me. Meu pai estava internado ali há uma semana para uma amputação dos dedos dum pé. Só que a cirurgia não se fez, entretanto  ele apanhou uma infeção pulmonar. E numa semana a saúde se degradou e naquela terça feira as 12h15 deixou de viver. 
Nessa terça feira arranjei uma pequena mala a depressa e logo a seguir pus-me a caminho de Portugal. Fui de carro com o marido. Uma viagem muito longa; foi uma daquelas viagens que esperamos sem esperar; que sabemos que iria acontecer.
Meu paizinho foi enterrado na sexta feira as 14h30....foi o momento mais triste da minha vida. Foi como se me arrancassem uma parte de mim.
Na semana seguinte andei a tratar de papeis, formalidades …
Alguns dias depois de regressar andava sempre a pensar no meu paizinho, não acreditava que ele se tinha ido, um pai não se pode ir assim. Naquele dia de manhã um quadro, feito a partir duma foto minha da Nazaré, um quadro ligeiro bem posto na parede dum quarto caiu, devia cair em cima da cama,mas não foi cair no chão fazendo um barulho enorme. Não liguei. No dia seguinte de manhã cai outro quadro na sala; um quadro tambem ligeiro  onde tinha varias fotos dos meus filhos e netos, cai no chão tambem fazendo muito barulho. Ai pensei que meu pai podia andar por ali, sem saber o que ele queria. No dia seguinte estava a almoçar, no radio oiço uma canção que dizia " meu pai que está no céu, sinto saudades tuas, etc.." pensei que era mais um sinal do meu pai. Meu pai veio aqui dizer-me um ultimo "ADEUS"...

25 de Abril sempre !


AVRIL
Les œillets rouges ont poussé sur les pavés
Arrosés par une soif inaltérable de liberté
Une révolution a germé dans les esprits
Sans que coule une goute de sang dans le pays
Il a suffit d'une chanson comme signal
Pour que toutes les rues du Portugal
Se remplissent de tout un peuple réuni
Autour des promesses d'une nouvelle vie
Et mon vieux père exilé loin de sa terre patrie
Ne pourra pas voir passer cette onde d'amis
Et se promener tranquillement le long de l'avenue
Léger comme l'air, libre de penser, sans retenue
Luis Coixao