quarta-feira, 10 de setembro de 2008

As vezes o amor...Sérgio Godinho

6 comentários:

poesianopopular disse...

Lena
De princípio andei a ver se encontrava uma canção do Sérgio , que eu não gostasse...não conseguí!
Pelo que vejo tambem tens bom gosto!
Bjos amiga

gaivota disse...

minha amiga, já nem me lembro de quantos serões ao som do sérgio godinho...
todos os álbuns, todos os temas...
todas super companhia!
beijinhos

Lena disse...

poesianopopular,

Ele tem uma voz muito sensual, romantica;
a letra e a musica são muito lindas..

Imagina José que este artista so o conheço desde que comecei nisto dos blogs, faz três anos...
Aqui onde vivo ninguém o quase ninguém o conhece; nada chega a nos emigrantes...

Um beijo

Lena disse...

gaivota,

ele so ja é um grande tema...

Beijinhos

poetaeusou . . . disse...

*
Que força é essa, amigo.
que força é essa, amigo.
Não me digas que não me compreendes.
Quando os dias se tornam azedos.
Não me digas que nunca sentiste.
Uma força a crescer-te nos dedos.
E uma raiva a nascer-te nos dentes.
Não me digas que não me compreendes.
,
sérgio godinho
,
vagas nazarenas, envio,
,
*

Lena disse...

poetaeusou,

Que força essas palavras teem !

um beijo