quarta-feira, 6 de agosto de 2008

Aïe Portugal, Portugal


Pelas estradas aos saltinhos

com bermas inacabadas

pequenas casinhas convivem

com casas majestosas

onde a pobreza e a riqueza se tocam

onde o egoismo não deixa de existir

la vão eles as romarias

para esquecer as dificuldades do dia a dia

sofrem as escondidas

sempre alegres ao exterior

sempre a mesa cheia para acolher

o estrangeiro

Aie, Portugal, Portugal

quando vais acordar

destes homens sem coração

que te estão deixando morrer.



Com estas linhas vos deixo, pois este blogue vai estar de férias.

Este blogue ainda é novinho, mas vossos comentarios o enriquece dia apos dia.

Vos agradeço do fundo do meu coração pela simpatia que aqui teem deixado, pelo o tempo dado a ler-me e a comentar.
O que escrevo é coisa simples mas é com muito gosto.

Até breve !

Beijinhos.....

20 comentários:

poesianopopular disse...

Lena Boas férias amiga, e pela realidade que tão bem descreves no teu poema.
Bjos

Lena disse...

José,

Obrigada
ando mesmo a precisar destas férias, ir abraçar meu Portugal e meus pais que la estão.

Foi num passeio pelo Porto, naquelas pequenas ruas que me veio a cabeça estas linhas.
No Porto, onde vi de perto o inferno da droga.

Até breve José
um beijo

O Profeta disse...

Ai quem me dera agitar o tempo
Atirar a mágoa à voragem da noite
Arrancar as raízes ao pensamento
Sentir a paz que uma lagoa acolhe


Boa férias


Mágico beijo

Fernando disse...

Boas férias Helena.

Lena disse...

o profeta,

se pudessemos agitar o tempo
e atirar a magoa a voragem da noite
tudo seria mais facil.

Espero que elas (as férias sejam boas), so o podem ser...

Um beijo

Lena disse...

Obrigada Fernando...
Espero que sejam boas, ainda não começaram e ja tenho de as adiar...
Hoje foi chamada em urgencia, o marido esta doente...
Paciencia, a vida é assim...

Espero que as tuas estajam a correr bém..

Um beijo grande.

poetaeusou . . . disse...

*
o mar, agita-se,
esperando alguem . . .
,
regenera-te, amiga,
,
conchinha,
ali, ao canto . . .
,
*

Lena disse...

Poetaeusou,

Diz lhe para ele se acalmar
que estou quase a chegar

Ao bocado,eram 14 h daqui, olhei para o céu, levantei os braços e disse "yes, estou de férias"...lol...

Um beijo

gaivota disse...

ah pariga, atão boas férias, aqui na nha praia tá-se bemmmmmmmmmmmm
este mar é linde, o povo espera gente de bem!
beijinhos

Lena disse...

Gaivota,

Até breve por ai, pelo esse cantinho....

Ainda vou ir a tempo para a feira do livro.

Beijinhos

Multiolhares disse...

Boas férias
Cá te esteramos
e a feira do livro acabo dia 17

Lena disse...

Luna,

Até breve !
ainda não sei quando vou...
deve ser breve...espero

Beijinhos

Fernando Rodrigues disse...

Que maravilha, parabéns

Bjus

Lena disse...

Fernando Rodrigues,

Bém-vindo neste pequeno cantinho !

Bjos

Mário Margaride disse...

Boas férias Helena!

Espero ver-te aqui de novo entre nós.

Beijinhos de grande amizade e ternura.

Mário

Mar Arável disse...

Não se esqueça de sonhar

gaivota disse...

atão...................
a feira acaba domingo....
e o mar não acaba nunca!
o tempo continua fixe,
falta alguém aqui no areal...
anda! mexe-te! dá corda aos pés!
beijinhos

Lena disse...

Mario,
as férias foram boas, curtas mas boas..
um beijo

Lena disse...

Mar aravel,
se sonhei ?
não deixei de sonhar
e hoje ainda não acordei
sou uma grande sonhadora

um beijo

Lena disse...

Gaivota,
ah! miga
tava a ver q não ia, pois o marido teve uma "colique néphrétique", que em português é uma crise de pedra no rim, tava a ver q tinha de ser hospitalizado...
ainda foi a tempo a feira do livro, não comprei tudo quanto queria, mas encontrei alguma boa leitura.

Beijinhos