quarta-feira, 12 de novembro de 2008

Destino

Afinal , o que é o destino ? Quando uma pessoa morre novo de acidente o de doença, ouve se dizer " era o destino dela ", o a vida dela estava assim destinada.. O destino é a sorte e o azar que temos nas nossas vidas...são escolhas que tudo o longa dela fazemos. As vezes nos enganamos de caminho..e temos de recomeçar. As vezes são outros que decidem por nos, tou pensando numa ruptura, um divorcio ...era nosso destino?

Recebemos aquilo que merecemos ..deve ser isso. As vezes o destino nos da a chance de encontrar pessoas, no momento menos esperado, nesse momento não vemos o porquê desse encontro, e mais tarde, acontecimentos aparecem e pensamos que aquela pessoa chegou mesmo a ponto. O destino nosso, ja esta escrito em algum lado o somos nos que o fazemos no nosso dia a dia ? Ha quem nasce num pais, onde o destino sera de morrer a fome o numa guerra...o destino de cada um começa logo a nascença...

Também se ouve falar na "linha de vida", ela esta representada na palma da mão por uma linha...essa linha é longa o curta, depende do tamanho da nossa vida, e por vezes nessa linha vê se pequenas linhas sair dela, são desvios que fazemos o acontecimentos importantes...ler meu destino numa mão, não acredito, era quaze como se tivesse a dizer que nosso destino esta escrito nas nossas mãos....

Porquê tanta pessoa vai ver "pessoas", ai chamam se "bruxas", aqui "des voyantes", voyantes vêm de ver, para saber o que vai acontecer no futuro, para não se enganar na escolha do caminho a seguir...não sei se é uma pessoa de fora que nos pode ajudar a saber qual caminho tomar... Acho que, nosso destino, somos nos que o fazemos no nosso dia a dia, fazendo sempre pelo melhor, escutando nosso coração e nem sempre a razão...mas muitas vezes a razão domina ...estamos num mundo, onde ha sempre escolhas a fazer...

O destino esta entre nossas mãos.

8 comentários:

Duarte disse...

EL DESTINO

No sé si has notado
que cuando tocas mi piel
mi cuerpo complacido
hace que vibre todo mi ser.

Si tus labios no besaran
mi boca muda, sufriría.
Si mis deseos no colmaras
poco a poco moriría.

Al tenerte entre mis brazos
siento que mi corazón palpita
que se mueve paso a paso
y hasta mi alma se agita.

Siento como una descarga
que con sumo furor arremete
contra mi cuerpo y mi alma
cuando no puedo tenerte.

Cuando estás junto a mi
imposible es no besarte
porque me siento morir
tan solo con mirarte.

El amor que hacia ti tengo
no lo tuve en momento alguno.
Yo quisiera no perderlo
y hacer de los dos uno.

Que mi alma fuera tu alma
que mi corazón el tuyo,
que tus ojos me miraran
con amor y con orgullo.

Si Dios quiso que te amara.
Si Él hizo cruzar nuestros caminos.
Lo hizo para verme enamorado
y ver como se unían dos destinos.


Primavera de 2007

De mi libro Susurros

Besos para ti

gaivota disse...

o destino estará já escrito nas nossas mãos...
estará nas nossas mãos a ser escrito dia após dia...
é viver um dia de cada vez e tentar agradar o nosso coração, quando mais não seja num amanhã diferente possível de acontecer...
beijinhos

poesianopopular disse...

Lena
Tens toda a razão quando dizes que o nosso destino é feito por nós, todos os dias. Ele tambem está nas nossas mãos com o trabalho que elas executam, e tambem está nas nossas cabeças quando raciocionamos, racionalmente ou com o coração.
A nossa vida não está escrita, nós é que a vamos escrevendo dia a dia.
Um bjo amiga

Lena disse...

duarte,

Que Poeta !
Linda a poesia...


Beijinhos

Lena disse...

gaivota,

o destino somos nos a faze-lo dia apos dia;
mas ja reparastes como as vezes ouvimos dizer... era o destino dele, o foi seu destino, o estava destinado... e fico a pensar, que se calhar é verdade esse destino ja estaria escrito em qualquer lado...
coisas e pensamentos meus....

Beijinhos

Lena disse...

poesianopopular,

sera que o destino esta entre nossas mãos ? O havera outra coisa que faz que... uns tem mais sorte que outros....

Beijinhos

Alda disse...

Olá Lena,
Concordo em parte contigo! posso tratar-te assim?
Temos que fazer pela vida sim!
Mas, quando nascemos trazemos um percurso de vida que não podemos alterar! Há quem lhe chame Karma, mas seja lá o que for, penso que existem certas coisas na nossa vida não conseguimos mudar por mais que façamos por isso!...

Temos um dia para nascer, o outro para morrer, e a isso talvez chame destino! O resto temos que ser nós a decidir o que queremos ou não da vida!
Beijinhos

Lena disse...

alda,
obrigada pela visita,
claro que deves tratar me assim,
concordo com o teu comentario, também acho que assim seja.

otimo fim de semana !
volta sempre

beijinhos