quarta-feira, 17 de setembro de 2008

Infância


Ha poucos dias recebi duma amiga de infância esta foto.

Nesta foto, tinha uns 10 anos. Me faz relembrar a menina que foi. Ja era timida, reservada.

Esses anos foram anos de adaptação ao pais de acolho; foi a aprentissagem da lingua.

Ontem, dia de folga, passei-o com algumas colegas e amigas de trabalho. Uma delas, espanhola, emigrou como eu de pequena e falamos daquelas coisinhas que so podem acontecer-nos.

Uma delas foi : na primeira semana que integrei a escola, sai de casa de boa hora para não chegar atrazada. So, que naquele dia aquela hora não vi ninguém na rua. A rua estava cinzenta e deserta. Pensei que se calhar o era cedo demais o ja tarde demais, e se voltasse para casa meus pais iriam pensar que ja não queria ir a escola.

Aquela imagem de menina sozinha, numa rua deserta, cinzenta ficara sempre gravada na minha memoria.

Vos deixo descobrir onde posso estar na foto; se for preciso depois, eu ajudo.

18 comentários:

Anónimo disse...

Acho que és a menina do meio da terceira fila...lol...
isto é arriscar porque não faço a mais pequena ideia...
É muito bom recordar a nossa infancia..
Beijinhos
Dia

poetaeusou . . . disse...

*
hó tempo,
volta para trás . . .
,
conchinhas
,
*

Lena disse...

Dia,

Podia ser essa, mas não..
estou mais acima...
uma infancia de filha de emigrante que não desejo a ninguém...
estava a pensar : onde estão minhas raizes ?

Beijinhos Dia

Lena disse...

poetaeusou,

é bom de vez enquando recordar aqueles tempos, sobretudo com pessoas que viveram coisas semelhantes...

Poeta não quizestes arriscar a propor onde é que eu podia estar naquela foto....

um beijo

Multiolhares disse...

Vou arriscar, és a primeira do lado direito da 4ª fila,
Existem sempre coisas em meninas que nos marcam para sempre,
mas já passou amiga, vamos continuar a caminhar, o caminho é para a frente
beijinhos

Lena disse...

multiolhares,

Parabéns, parece que acertastes.
Estou na fila de cima a direita o esquerda depende de que lado estas virada, pois do outro é um rapaz, so posso estar ali.
Esses tempos deixaram cicatrizes, e quando falamos deles ha sempre aquela tristeza nos nossos olhares...
A vida...

Um beijo Luna

poesianopopular disse...

Olá Lena
É bom recordar-mos a nossa infância, por muito má que ela tenha sido, e foi concerteza, porque eram tempos muito difíceis, mas, olha que os de hoje, amiga!
A minha primeira grande ansiedade foi o meu primeiro dia de aulas, recordo aquelas formalidades da bata branca,todo penteadinho, foi a minha mãe que me acompanhou, com aquela recomendação à professora:-se ele não se portar bem; as orelhas não se fizeram para outra coisa,(puxão de orelhas)
Bjos amiga

Lena disse...

poesianopopular,

Outros tempos mas bons tempos, afinal...

E a professora puxou te muitas vezes as orelhas José ??

Um beijo

Mário Margaride disse...

Olá Helena!

Depois de uma forçada ausência, devido a vários factores de ordem pessoal, e ao mesmo tempo estou sem pc...consegui vir aqui de fugida ao teu cantinho.

É sempre maravilhoso recordarmos a nossa infância, que tantas recordações nos trazem.

Umas boas, outras nem tanto.

Espero que tenhas um excelente fim de semana!

Beijinhos

Mário

Lena disse...

Mario,

é sempre bom te ver por aqui Mario, mesmo numa fugida...

bom fim de semana a ti tb

Um beijo

gaivota disse...

ai com dez ans...já tinha uma certa conta de tristezas!
o meu pai e aminha mãe divorciaram-se com um background terrível e à nossa frente...
o meu avô materno morreu...
levaram-me para casa duma tia odiosa, separando-me da minha mãe e dos meus irmãos...
foi mau!
dseculpa o desabafo, olha o que me fui lembrar, aqui, em Vigo!!!
mas também tenho fotos assim...
beijinhos

Mar Arável disse...

Só mas nunca isolada

desejo por bem

Lena disse...

gaivota,

Essa menina que fostes com essa passagem dificil da tua vida, deixou lugar a uma mulher forte e que sabe lutar na vida...
uma mulher que adora seus filhos, netos e as crianças em geral.
Es uma mulher fantastica..

Um beijinho grande

Lena disse...

mar aravel,

não isolada mas exilada

um beijo

Duarte disse...

Que bonito é recordar e ter amigos que nos estimam.
Um grande detalhe.

Reconhecido

:))

Lena disse...

duarte,

bém-vindo ao meu cantinho !

esta foto me foi enviada pelo uma amiga de infância que reencontrei via a net, 40 anos depois...
Faz bém, as vezes recordar para não esquecer.

um beijo

Pelos caminhos da vida. disse...

Tirei a noite hoje pra fazer novas visitas.
Cheguei até o seu.
Não vou arriscar a apontar quem é vc,prefiro que vc me conte.
Seu post me fez voltar,alguns anos atrás e me lembrei da minha infância,época maravilhosa.
Bom domingo pra vc.
Qdo quizer me visitar,serás bem vinda.

beijooo.

Lena disse...

pelos caminhos da vida,

Obrigada pela visita..seja bém-vinda!

não vou contar quém eu sou, penso que quem me lê, ja me conhece melhor que a mim mesmo.

um bom domingo !

Um beijo