sexta-feira, 9 de dezembro de 2011

Natal !


Tocam os sinos da
solidariedade,
os acordes da esperança
começaram a vibrar!
O aroma da promessa de Deus
está exalando no caminho
dos homens de boa vontade,
o amor pediu licença
pra chegar.
Estende sua mão,
alcance os aflitos,
veja quantos sofrem
com súplicas no olhar,
dobra os joelhos,
tempo de fé,
não esqueça de se levantar
para atender os gritos.

(Ivone Boechat)

5 comentários:

Duarte disse...

Tenho que o dizer ,
o NATAL, para mim,
acabou há muito.
Nada daquilo que hoje vejo
representa o Natal que vivi.
Esta euforia desmedida é,
em linhas gerais, falsa,
com uma imensa capa de hipocrisia.
Está tudo oco, podre.
Menos mal que existem excepções!
O que não quero fazer
é vestir-me com o fato de hipócrita,
não sirvo para isso,
não me fica bem.
O que sim desejo
é que passe depressa
e que tu sejas feliz,
MAS SEMPRE!

Beijinhos, querida amiga

Mar Arável disse...

Estimada amiga

vamos lá cumprir as datas
oficiais

gaivota disse...

venho deixar os meus votos de um santo e feliz natal, aí ou aqui... pela nossa praia...
beijinhos

D B disse...

Um grande beijinho Lena e um Feliz 2012!
Que durante muitos e muitos anos a gente se encontre por cá e com saúde

poetaeusou . . . disse...

*
Amiga,,
embora de modo standard,
visito-te com amizade,
carinho e respeito !
,
Gostei do teu postado !
,
retornei e o meu regresso
tem as asas da boa vaga
esquecendo a onda amarga
tão triste no seu quebrar,
porém, é belo o seu trovar,
ecos fortes e salgados,
de Paz , “standarizada” !
Paz nos meus votos sagrados,
que aqui deixo, bem expresso !
,
conchinhas, muitas, para ti !
*